terça-feira, 22 de maio de 2007

Apresentação

Passamos por um processo acelerado de transformações sociais, no qual é indiscutível o papel dos meios de comunicação. As redes configuram-se como linguagem universal e parece-nos até estranho não se submeter a ela. Diante do processo de globalização da economia e mundialização da cultura que se configura com decisiva influência da mídia, faz-se necessário aprofundar os estudos acerca desse fenômeno, que é fruto da construção humana, mas que parece, às vezes, ter vida própria.
Além de produzir e veicular valores, significados e comportamentos, a cultura midiática é responsável por relevante mudança na esfera subjetiva da percepção e compreensão da realidade mediada, intervindo, portanto, na forma como ocorrem as aprendizagens e como são construídas as representações sociais acerca dos bens culturais socialmente compartilhados.
Assim, é fundamental que se estabeleçam processos de investigação e ação para se conhecer criticamente a realidade acerca da mídia e o que ela representa na construção de contextos sociais, em que se destaca especialmente sua inserção nos processos educacionais.
Desta perspectiva, é necessário que a Educação Física dedique estudos a respeito dos sentidos/significados construídos pela mídia sobre as diversas manifestações de práticas culturais de movimento, especialmente a cultura esportiva e de lazer.
Pensando nisso, e a partir de ações e produções que vêm sendo realizadas em diversos âmbitos no Centro de Desportos/UFSC (extensão, pesquisa e ensino de graduação e pós-graduação), decidimos, em 2003, pela criação do Grupo de Estudos Observatório da Mídia Esportiva 1 , vinculado ao NEPEF/UFSC, com a intenção de dar maior visibilidade e sistematização a tais esforços, além de constituir um ponto de convergência para pesquisadores interessados em investigar possibilidades acadêmicas para o trato pedagógico da mídia esportiva na Educação Física.

1 O título "Observatório" é uma homenagem de reconhecimento ao jornalista Alberto Dinnes, o grande "observador" da mídia brasileira.

4 comentários:

Giovani disse...

Ola, Rogério,
Estou tentando postar um comentário no novo blog do LaboMidia

Giovani disse...

Cara, até funcionou. Nem foi preciso uma conta do Google. Ótimo, vamos tratar de incluir os demais camaradas.

Giovani disse...

Pessoal, informação recente do Cesar: no nosso GTT são 44 trabalhos inscritos, sendo 37 comunicações e 7 pôsteres.

Victor disse...

Parabéns pela idéia do blog Rogério! É bem mais prático e interativo. Vamos colocar algumas imagens e vídeos?

Até!